comentar
publicado por berenice, em 18.11.09 às 17:11link do post | favorito

    Parece que o Inverno está a começar e com ele este friozinho que lembra o Natal.

Estou a tentar  lembrar-me se alguma vez gostei do mês de Dezembro e de toda a "magia" que dizem que ele contém.

   Lembro-me que quando era miúda saía no Liceu uma revista que se chamava "Fagulha". Foi nessa revista que li a noite de Natal de um menino que a passou na rua a vender fósforos.  "A quem se toda a gente está fechada em casa, a consoar com a família?!) Seja como for, aqui está o avesso do Natal: a orfandade, a pobreza, o abandono.

 Actualmente é um mês em que se consome muito. Aliás, creio que em Novembro se começa logo a consumir.É preciso pensar nos presentes e não se podem fazer compras acessíveis se se deixar tudo para a véspera. A pressa é inimiga da boa gestão do dinheiro.

Depois há a roupa: nesta época sentimo-nos bem a comprar uns casacos quentinhos e bonitos, umas boas botas.  A seguir à passagem de ano, vêm os descontos e logo depois os saldos e o pessoal começa a deitar contas à vida e prefere comprar um pouco depois, por metade do preço aquela peça de vestuário que a encantou.


Eu mesmo a 19 de Dezembro de 2009 às 19:40
Nos casais temos sempre de dialogar muito. Viver juntos é um dialogo permanente. E devia ser mais positiva, mais optimista, não ver vida pelo seu lado negro e agreste.

mais sobre mim
Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13

15
16
17
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

30


pesquisar
 
blogs SAPO